conecte-se conosco


Polícia

Homem é preso suspeito de furtar ventiladores pulmonares de hospital referência para Covid-19 em Cáceres

Publicado em

Polícia [email protected]

Por G1 MT

Um homem foi preso, nesta quarta-feira (3), suspeito de furtar dois ventiladores pulmonares e um monitor multiparâmetro do Hospital Regional de Cáceres, a 228 km da capital, no dia 25 de janeiro. A unidade de saúde é referência para casos de Covid-19.

Os aparelhos estavam escondidos na casa do suspeitos, em um condomínio no Bairro Jardim Santa Amália, em Cuiabá.

De acordo com a Polícia Civil, no dia do crime, o homem se apresentou no hospital como técnico em manutenção de equipamentos hospitalares, dizendo que faria um orçamento relativo a serviços que seriam prestados ao local.

O furto, conforme investigação da Delegacia de município e Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), ocorreu quando um funcionário do setor saiu da sala onde estavam os equipamentos, deixando o suposto técnico sozinho.

Durante as buscas pelo suspeito, os policiais conseguiram identificar e prender o suspeito em Cáceres. Já os aparelhos furtados foram encontrados em Cuiabá e encaminhados à delegacia.

Segundo o delegado, como já não estava em situação de flagrante o suspeito responderá em inquérito policial pelo crime de furto mediante fraude. Agora a polícia tenta identificar se haviam outras pessoas envolvidos no crime.

Comentários Facebook
Leia mais:  Rotam prende dupla com carga de defensivos e sementes agrícolas avaliada em mais de R$ 1 milhão em MT
Propaganda

Polícia

Polícia Civil de MT cumpre mandados em operação contra tráfico internacional de drogas deflagrada em Goiás

Publicados

em

A Polícia Civil de Mato Grosso, através da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) e Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), cumpriu dois mandados de busca e apreensão domiciliar em apoio a operação Narco Flight, deflagrada pela Polícia Civil do estado de Goiás, por meio da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco).

A operação deflagrada, nesta quinta-feira (15.04), em quatro estados do país (Goiás, São Paulo, Mato Grosso e Santa Catarina) desarticulou a atuação de uma organização criminosa voltada para o tráfico de drogas interestadual e internacional com emprego de aeronaves.

Em Mato Grosso, os policiais da GCCO e da DRE cumpriram dois mandados de busca e apreensão domiciliar em endereços localizados na cidade de Várzea Grande. Um alvo com mandado de prisão decretado não foi localizado e continua foragido.

Investigações

As investigações da Polícia Civil de Goiás iniciaram há aproximadamente um ano e meio, mediante informações de que um helicóptero envolvido no transporte de drogas para o estado.

As investigações da Draco apontam que a organização criminosa está ligada a uma grande facção atuante em todo país e que neste um ano e seis meses já teria operado pelo menos sete aeronaves no comércio de entorpecentes.

Fonte: Assessoria/Polícia Civil-MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Mães relatam avanços e desafios para crianças autistas na pandemia
Continue lendo

INFORME PUBLICITÁRIO

Propaganda

Pontes e Lacerda

Propaganda

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana