conecte-se conosco


Cidades

Diretora do Hospital Evangélico de Vila Bela se posiciona sobre falta de oxigênio

Publicado em

Cidades [email protected]

Após ser tema de notícias veiculadas na imprensa estadual sobre a morte de uma paciente por falta de oxigênio na manhã dessa quarta-feira (24), a Direção do Hospital Evangélico de Mato Grosso em Vila Bela da Santíssima Trindade (a 540 km de Cuiabá) se posicionou e “desmentiu” as informações.

Em contato com a redação do Jornal Folha Regional, Maria Auxiliadora Dorileo, diretora da unidade hospitalar explicou que o maior problema enfrentado neste momento é a falta de vagas para pacientes de alta complexidade na rede estadual de saúde e que o Hospital “nunca perdeu pacientes por falta de oxigênio”.

“A central de regulação do Estado não tem liberado vaga para pacientes de UTI e os pacientes tem sido intubados e mantidos nos leitos de semi-estabilização do Hospital de Vila Bela, porém existe uma preocupação sobre a possível falta de oxigênio, uma vez que hoje pela manhã as empresas informaram o Hospital de que não teria para o dia de hoje, e isso nos preocupou”. Disse a diretora.

Segundo a diretora, a Secretaria de Saúde tem dado todo suporte necessário para que o município supere a pandemia, e que a transferência dos pacientes de alta complexidade não é responsabilidade do município e sim do Estado, a quem está sendo pedida a ajuda.

Fonte: Folha Regional | Leandro Régis

Leia mais:  Empresários realizam carreata contra o fechamento do comércio de Pontes e Lacerda

Comentários Facebook
Propaganda

Cidades

Prefeitura de Cáceres prorroga medidas restritivas de quarentena coletiva obrigatória até o dia 20/04

Publicados

em

A Prefeitura Municipal de Cáceres editou hoje (15), o Decreto nº 355 de 15 de abril de 2021, prorrogando o efeito do Decreto nº 247, de 04 de março de 2021, e Decreto nº 328, de 07 de abril de 2021. 

Considerando fatores como  o aumento da média de casos, internações hospitalares e óbitos; Taxa de Ocupação de UTI  de 95,21% no Estado de Mato Grosso, e no Hospital Regional Dr.

Antônio Fontes  em 100%; que o Município de Cáceres se encontra em classificação de risco “MUITO ALTO”, e,  além do  estado de emergência em saúde pública, a Prefeita Eliene, resolveu prorrogar até o dia 20 de abril de 2021,  os efeitos do Decreto Municipal nº 247, de 04 de março de 2021, que autoriza a realização de atividades em regime de teletrabalho e revezamento nos órgãos da administração pública direta e indireta do Poder Executivo Municipal. 

Também ficam prorrogados os efeitos do Decreto Municipal nº 328, de 07 de abril de 2021, que estabelece medidas restritivas de quarentena coletiva obrigatória, para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente da COVID-19 (Sars-Cov-2). 

O Decreto nº 355 de 15/04/21, foi assinado pela Prefeita Eliene Liberato na tarde desta quinta-feira (15/04), e será publicado no Diário Oficial Eletrônico dos Municípios do Estado de Mato Grosso, na edição do dia 16/04/2021.

Os efeitos do Decreto nº 355 poderão ser revistos ou novamente prorrogados após disponibilização, pelo Governo do Estado de Mato Grosso, de Painel Epidemiológico atualizado contendo a classificação de risco do Município de Cáceres-MT.

Por Cáceres Noticias 

Comentários Facebook
Leia mais:  Governo de MT transfere R$ 30,9 milhões para custeio de UTI’s Covid-19 e antecipa repasses de março; Pontes e Lacerda recebeu R$ 1.800.000,00 (Um milhão e oitocentos mil reais)
Continue lendo

INFORME PUBLICITÁRIO

Propaganda

Pontes e Lacerda

Propaganda

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana