conecte-se conosco


Cidades

Desaparecidos há 9 dias são encontrados após se perderem em região de garimpo em Comodoro

Publicado em

Cidades [email protected]

Foto: Jornal O Diário

Por G1 MT

Dois homens que haviam desaparecido no dia 2 de janeiro foram localizados nesta segunda-feira (11) após ficarem perdidos na mata na zona rural de Comodoro, a 452 km de Cuiabá.

Adilson Oliveira da Silva, 41 anos e Nilson Sinhori Hartwig, 33 anos, haviam saído de casa em uma motocicleta para um local denominado antiga fazenda Rio Vermelho com a intenção de garimpar ouro no local, sem autorização legal.

Eles haviam combinado de retornar no dia seguinte. Como não voltaram, a mulher de um deles procurou a Polícia Civil para denunciar o desaparecimento dos dois.

Ela disse à polícia que foi até o local onde os dois supostamente estavam e encontrou diversos pertences pessoais e a motocicleta, mas não havia nenhum sinal dos desaparecidos.

Conforme informações da Polícia Civil, os dois ficaram perdidos na mata, onde estavam em busca de garimpar próximo a um rio.

Nesta segunda-feira, eles conseguiram chegar até a sede de uma fazenda da região e funcionários da propriedade fizeram contato com familiares e com a Polícia Civil.

Os dois foram encaminhados para atendimento em um hospital da cidade.

Comentários Facebook
Leia mais:  Policial Militar tira a própria vida em residência, no bairro DNER em Cáceres
Propaganda

Cidades

Polícia Civil de MT localiza mulher desaparecida no estado do Ceará em Nova Mutum

Publicados

em

Uma mulher que estava desaparecida no estado do Ceará desde dezembro de 2020 foi localizada pela Polícia Civil de Mato Grosso, na quinta-feira (04.03), em ação realizada pelo Núcleo de Pessoas Desaparecidas da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) com apoio da Delegacia de Nova Mutum (254 km ao norte de Cuiabá).

A mulher de 28 anos foi localizada em uma casa no município de Nova Mutum, onde disse estar vivendo por vontade própria. Ela estava desaparecida desde o dia 16 de dezembro, quando saiu da residência da sua mãe na cidade de Itaitinga (CE) para resolver um problema no banco e não retornou mais para casa.

Na ocasião, a vítima emprestou o cartão de crédito do padrasto para supostamente comprar uma sandália. Estranhando o fato da filha não retornar para casa, a mãe tentou entrar em contato por telefone, porém o aparelho somente dava sinal de desligado.

Diante dos fatos, a mãe entrou em contato com a operadora do cartão que informou sobre uma compra em uma empresa de passagens aéreas realizada no mesmo dia do desaparecimento da vítima.

Com informações de que a desaparecida teria vindo para o estado de Mato Grosso, a Polícia Civil do Ceará, através da 12ª Delegacia de Homicídios do estado entrou em contato, com a equipe do Núcleo de Pessoas Desaparecidas da DHPP para dar apoio na localização da vítima.

O cartaz de desaparecimento da vítima foi registrado no banco de dados de pessoas desaparecidas de Mato Grosso e divulgado no site e rede social do Núcleo de Desaparecidos que passou a receber denúncias de que a mulher estava vivendo em um sítio na zona rural de Nova Mutum.

As informações foram passadas para a equipe da Polícia Civil do município, que diligenciou até o distrito Rachão, onde supostamente a vítima estava morando, porém não conseguiram localizá-la. Em continuidade as diligências, a mulher foi localizada em uma casa no bairro Jardim Europa, no município.

Questionada, ela disse que estava bem e que estava na cidade por vontade própria. Os policiais orientaram que ela procurasse a família para dar informações sobre o seu paradeiro.

Depois de verificada as boas condições de saúde e ausência de risco para a procurada, os policiais do Núcleo de Desaparecidos comunicaram a Polícia Civil do Ceará sobre a localização da procurada.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Mato Grosso recebe 30,6 mil doses da CoronaVac neste domingo (07)
Continue lendo
Propaganda

Pontes e Lacerda

Propaganda

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana