conecte-se conosco



Polícia

Suspeito de engravidar filha em Rondônia tem prisão cumprida em MT

Publicado

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem considerado foragido da Justiça de Rondônia pela suspeita de engravidar a própria filha teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na sexta-feira, em Colniza (1.042 km a oeste de Cuiabá).

O suspeito, de 61 anos, estava com a ordem de prisão decretada pela 2ª Vara Criminal de Cacoal (RO) pelo crime de estupro de vulnerável. O mandado de prisão contra o suspeito foi cumprido após os policiais da Delegacia de Colniza receberem informações de que e procurado estava morando em uma propriedade rural no km 25.

Diante das informações, os investigadores foram até o local onde conseguiram localizar o foragido da Justiça que teve o mandado de prisão devidamente cumprido. Ele foi encaminhado para Delegacia de Colniza para as providências cabíveis.

Comentários Facebook
Leia mais:  Policiais militares salvam bebê que se afogou na banheira em Tangará da Serra
publicidade

Polícia

Preso é flagrado com 8 celulares, carregadores, cabos e chips dentro no corpo em MT

Publicado

Ele expeliu objetos sozinho e não necessitou de atendimento médico. Materiais foram identificados após inspeção eletrônica durante revista.

Um preso foi flagrado com oito mini aparelhos de celular com bateria, quatro plugs de cabo USB, sete chips e um fio de carregador dentro do corpo ao ser revistado na Penitenciária Osvaldo Florentino Leite Ferreira (Ferrugem), em Sinop, a 503 km de Cuiabá.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (Sesp), ele foi descoberto durante procedimento de entrada na penitenciária. O caso aconteceu na última sexta-feira (18).

Os policiais penais identificaram “comportamento suspeito” no homem, que estava em um grupo de recém-chegados ao local. Após busca pessoal, ele foi submetido à inspeção eletrônica, e o scanner corporal revelou a presença de alguns objetos.

Preso estava com celulares, cabos USB e chips dentro do corpo — Foto: Sesp/MT

Objetos seriam entregues a outros presos

O homem então confessou que transportava materiais que seriam entregues a presos da unidade.

Sozinho, ele expeliu oito mini aparelhos de celular com bateria, quatro plugs de cabo USB, sete chips de celulares e um fio de carregador de celular. O preso não necessitou de atendimento médico.

Leia mais:  Policiais militares salvam bebê que se afogou na banheira em Tangará da Serra

O material estava protegido por bexigas e fitas isolante. Aos policiais penais, ele relatou que receberia uma quantia em dinheiro caso conseguisse fazer a entrega.

O homem foi encaminhado para a ala destinada ao isolamento, como medida de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19).

A direção da penitenciária afirma que investiga quem encomendou os objetos e a participação do preso nesse caso.

por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana