conecte-se conosco



Polícia

PRF em Mato Grosso autua 23 pessoas por crime ambiental em três dias

Publicado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) autuou 23 pessoas por crime ambiental em Mato Grosso, entre sexta-feira (13) e domingo (15). A maioria foi flagrada transportando madeira irregular, o que resultou na apreensão de 215,59 m³ do produto.

Na área de abrangência da Delegacia de Sorriso, região Norte, foram cinco ocorrências. No município de Sorriso, na sexta-feira, uma carreta foi flagrada com 55m³ de madeira serrada sem licença. O motorista apresentou documentos falsos do transporte aos policiais, por isso foi preso e encaminhado à Polícia Federal. Ele também responderá pelo crime ambiental. Horas depois, também em Sorriso, um bitrem transportava 37 m³ de madeira com documentação reutilizada de outra carga. Já na madrugada de sábado, um ônibus foi flagrado transportando 30 m³ de carvão vegetal sem documentação. Não havia passageiros no veículo.

Em Nova Santa Helena foram duas apreensões. No sábado uma carreta com 50 m³ de madeira em toras, das espécies cambará e cedrinho, estava reutilizando a documentação de outra carga. Na sexta-feira, uma carreta transportando 38 m³ de madeira serrada estava fora do percurso que deveria seguir conforme a Guia Florestal, tornando o transporte ilegal. Além isso, o veículo estava com o sistema de emissão de poluentes adulterado.

Outra apreensão de madeira ocorreu no domingo em Rondonópolis, Sudoeste do Estado. Em fiscalização conjunta com a Companhia da Polícia Militar de Proteção Ambiental, os PRFs abordaram uma carreta com 34,8 m3 de madeira beneficiada que saiu de Alto Paraíso/RO para Colombo/PR. Na vistoria da carga foram encontradas tábuas serradas sem documentação de transporte.

Em Barra do Garças, divisa com Goiás, e em Pontes e Lacerda, fronteira com a Bolívia, houve o flagrante de bitrens com o sistema de emissão de poluentes adulterados.
Em crimes ambientais, não apenas o transportador é autuado, mas também o emissor do produto e quem receberia a carga.

FONTE: PRF

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Cinco pessoas são presas e três veículos são recuperados em ações distintas em Pontes e Lacerda

Publicado

Intensificando o combate a criminalidade na região de fronteira, cinco pessoas foram presas e três veículos recuperados em Pontes e Lacerda (448 km a oeste de Cuiabá), durante diferentes ações investigativas da Polícia Civil do município.

Na manhã de terça-feira (31.03), quatro pessoas, sendo dois homens e duas mulheres, foram abordadas em posse de dois automóveis (um Toyota Etios de cor prata e um Gol de cor preta) provenientes de crimes ocorridos na Capital. 

Os suspeitos de 33 e 27 anos, e as suspeitas de 29 e 30 anos, foram autuados em flagrante por receptação e associação criminosa.

Os policiais civis realizavam diligências na Estrada do Incra, zona rural do município, quando inicialmente avistaram um carro Etios sendo conduzido por uma das mulheres acompanhada dos outros três indivíduos. Na abordagem a motorista afirmou que não possui a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) razão a qual trafegava pelo local para burlar a fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF), bem como o carro não possuía o documento CRLV. 

Entrevistados todos os outros três ocupantes do veículo passaram a entrar em contradição e a apresentarem nervosismo. Durante buscas no interior do veículo nada de ilícito foi encontrado. No entanto, ao ser feita a checagem do Etios foi descoberto se tratar de um automóvel roubado em Cuiabá.

Diante dos fatos, um dos suspeitos acabou revelando que havia pego o carro para levar até a cidade de Pontes e Lacerda, e pelo transporte receberia como pagamento o valor de R$ 2,5 mil. Em seguida os quatro suspeitos foram encaminhados para Delegacia de Polícia, onde foi confessando por um deles que havia outro carro (um Gol de cor preta) que também estava sendo transportado pelo grupo.

Porém esse automóvel apresentou problemas mecânico e acabou sendo abandonado na mata, nas proximidades de uma fazenda na Estrada do Incra. Ato contínuo a equipe foi até o local mencionado, onde o segundo veículo também produto de roubo foi localizado.  

Após a apreensão dos dois veículos, a Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) de Cuiabá foi acionada pelos policiais civis de Pontes e Lacerda, vindo as respectivas vítima proceder com o reconhecimento fotográfico dos veículos. Ainda na posse de uma das mulheres foi encontrado um talão de cheque, o qual também foi obtido mediante um crime de roubo sendo ainda algumas folhas repassadas para outras vítimas consumando o crime de estelionato.

Conforme a delegada de polícia que coordenou a ação, Lizzia Ferraro, as investigações continuam para apurar o crime de estelionato e ainda identificar e prender outros possíveis integrantes da associação criminosa.

Motocicleta apreendida

Em outra ação realizada pelos policiais civis de Pontes e Lacerda, um jovem, de 18 anos, foi preso em flagrante em posse de uma motocicleta produto de roubo/furto. O rapaz foi abordado na avenida Minas Gerais, próximo a  Rodovia BR 174B.

Com ele, além da motocicleta foram encontrados vários objetos suspeitos de serem usados para prática de crimes, como peruca e máscara de palhaço símbolos de resistência a ação policial, roupas e jogo de chaves para abrir fechaduras.

Após a abordagem, o suspeito de 18 anos foi conduzido para Delegacia de Pontes e Lacerda, interrogado e autuado pelo crime de receptação.

Assessoria | PJC-MT

Comentários Facebook
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana