conecte-se conosco


Fronteira

Polícia Civil e PRF cumprem 5 mandados em operação de combate ao tráfico na fronteira em Vila Bela

Publicado

Cinco mandados judiciais foram cumpridos, na manhã desta sexta-feira (30.08), durante ação integrada da Polícia Judiciária Civil com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrada no município de Vila Bela de Santíssima Trindade (521 km a Oeste).

Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão temporária, resultado na prisão de um homem e uma mulher envolvidos com tráfico de drogas instalado na região de fronteira.

O trabalho em conjunto foi desencadeado após investigação da Delegacia de Polícia de Vila Bela de Santíssima Trindade, referente a uma apreensão de 50 quilos de cloridrato de cocaína, feita pelo Grupo Especial de Fronteira (Gefron), da Polícia Militar. Na ocasião, uma pessoa foi presa e outras duas conseguiram fugir.

Após a apreensão do entorpecente e prisão de um suspeito, ocorrida no dia 16 de junho, a Polícia Civil instaurou inquérito para identificar os outros indivíduos responsáveis pelo carregamento da substância ilícita.

Durante diligências, os investigadores conseguiram identificar outros dois coautores, os quais tiveram os pedidos de prisão temporária, representados pela Polícia Civil, pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Com as ordens judiciais decretadas Justiça, as equipes policiais deram os devidos cumprimentos aos mandados, realizando buscas em três locais diferentes, efetuando a prisão dos dois procurados, sendo presos o jovem R.M.S. de 23 anos, conhecido como “Manchinha” e a suspeita, F.S. de 37 anos, conhecida como “Chica”.  

Participaram da ação, policiais da Delegacia de Vila Bela da Santíssima Trindade, com apoio da Delegacia de Pontes e Lacerda, da Polícia Rodoviária de Federal de Pontes e Lacerda e de Cuiabá, com auxílio também de um cão farejador da PRF.

FONTE: PJC

Comentários Facebook
Leia mais:  Prefeitura Municipal executa obras de pavimentação asfáltica no Bairro Santa Cruz em Pontes e Lacerda
publicidade

Fronteira

Gefron entrega uniformes a crianças e adolescentes de projeto na fronteira

Publicado

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron-MT), da Secretaria de Segurança Pública, entregou nesta semana uniformes aos participantes do Projeto Grêmio do Gefron, que tem uma escolinha de futebol para crianças e adolescentes. Participam do projeto 60 alunos de ambos os sexos. As atividades são desenvolvidas no distrito de Vila Aparecida, no município de Cáceres (220 km ao oeste de Cuiabá), região de fronteira que é monitorada pelo Gefron.

 A entrega foi realizada no Canil Integrado de Fronteira (Canilfron), onde foram selecionados 20 alunos para receber o uniforme de passeio. No canil, os alunos puderam conhecer a estrutura física, policiais, viaturas e o principal atrativo – os cães policiais das raças belga de malinois e labrador, que integram a unidade.

O coordenador do Gefron, coronel PM José Nildo de Oliveira, afirmou que o projeto é mais uma atividade preventiva desenvolvida pela unidade com o objetivo de aproximar a polícia da comunidade. “Entendemos também que o trabalho preventivo é muito importante. A cada encontro que fazemos nas escolas vemos surtir efeitos positivos na comunidade”.

Participaram também da entrega dos uniformes o coordenador operacional, major PM Luiz Marcelo, o gerente do Canilfron, sargento Moracir, o presidente do Grêmio Recreativo e Desportivo, sargento Cláudio, o vereador, professor Domingos e demais policiais e membros do Projeto Grêmio do Gefron.

Projetos sociais

Além do Grêmio, o grupamento de fronteira desenvolve outros projetos sociais, como o “Cãominhar”, em Cáceres, e o Gefron em minha comunidade. Todos trabalham com ações preventivas e de auxílio a pessoas em situação de vulnerabilidade social. O Gefron em minha comunidade oferta atividades educativas e de lazer para crianças e adolescentes que vivem na região de fronteira.

O Cãominhar utiliza cães da unidade no auxílio à reabilitação de crianças com autismo e paralisia cerebral. A ação é realizada no Centro de Reabilitação de Cáceres, com quatro cães, em sessões de fisioterapia uma vez por mês.

Canil integrado

Dez cães auxiliam as instituições de Segurança Pública na faixa de fronteira entre Brasil e Bolívia. A unidade foi criada em outubro de 2013 e regulamentada em novembro de 2014. Os cães atuam em três frentes: faro de drogas, busca e resgate e captura, abordagens de guarda. Os cães farejadores são os mais empregados nas ações policiais.

 

Leia mais:  Prefeitura Municipal executa obras de pavimentação asfáltica no Bairro Santa Cruz em Pontes e Lacerda

FONTE: Governo do estado de MT

Comentários Facebook
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana