conecte-se conosco


Polícia

Polícia Civil abre processo seletivo para Analista de Sistemas temporário

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Diretoria Geral da Polícia Judiciária Civil abriu, nesta sexta-feira (18.10), o edital nº 001/2019/PJC/MT destinado a contratação de Analista de Desenvolvimento Econômico e Social – perfil Analista de Sistemas. O Processo Seletivo é destinado a selecionar candidatos para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público da instituição.

As inscrições para o preenchimento de oito vagas de analista de sistemas, de diferentes atribuições, bem como cadastro de reserva, iniciam na segunda-feira (21.10) e vão até a sexta-feira (25). O requerimento de inscrição deve ser entregue, de forma presencial, das 09h às 17h,, na sede da Diretoria Geral da Polícia Judiciária Civil, no endereço Rua Coronel Escolástico, n°346, bairro Bandeirantes – Cuiabá-MT.

O processo seletivo tem em vista a necessidade urgente de contratação temporária de analistas de sistemas e programadores para desenvolvimento do Projeto do Inquérito Policial Eletrônico, consideradas as tratativas da Polícia Judiciária Civil junto a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), Tribunal de Justiça e Ministério Público.

O delegado geral, Mario Dermeval Aravechia de Resende, destaca que a contratação atende a necessidade da Polícia Judiciária Civil em se alinhar tecnologicamente com o Ministério Público e Poder Judiciário para que o serviço prestado a sociedade ganhe celeridade e eficiência.

Leia mais:  Mato Grosso registra 36 feminicídios entre janeiro e setembro de 2019

Confira aqui o Edital

Requerimento de Inscrição
 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Dez pessoas são conduzidas em operação de combate ao tráfico em Colíder

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

Dez pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas (duas delas menores de idade) foram detidas, pela Polícia Judiciária Civil, nesta quinta-feira (21.11), na operação “Fumus”, deflagrada pela Polícia Judiciária Civil de Colíder (699 km ao Norte de Cuiabá).

A ação tinha o objetivo de apurar o comércio de drogas em uma residência no bairro Setor Sul, no município. O nome da operação “Fumus”, que significa “Fumaça” em latim, faz referência a boca de fumo que funcionava no local.

A residência é alvo de investigação da Polícia Civil há algum tempo devido à mercancia de drogas no endereço. Em ações anteriores realizadas no local foram apreendidos objetos de origem ilícita, produto de roubo e furto, possivelmente trocados por substâncias entorpecentes.

Durante a busca nesta quinta-feira (21), os policiais apreenderem uma porção de pasta base de cocaína e realizaram a detenção de oito pessoas que estavam na casa. Dois menores de idade, ao perceber a presença dos policiais na casa, fugiram porém foram detidos posteriormente na região central da cidade.

Leia mais:  PRF apreende 417 kg de maconha em veículo abandonado na BR 163

Segundo o delegado, Ruy Guilherme Peral da Silva, o local é extremamente insalubre, com muito lixo espalhado pelos cômodos, sendo necessários acionar a vigilãncia sanitária para os procedimentos cabíveis e notificação do proprietário.

“A casa é frequentada em sua grande maioria por andarilhos que ficam perambulando pela região urbana e que invadiram o local para comercializar e fazer uso das substancias entorpecentes”, disse.

Durante os trabalhos, moradores da região elogiaram a ação policial dizendo que não aguentavam mais o comércio de drogas na boca de fumo, assim como a movimentação de pessoas suspeitas e o uso explícito de entorpecentes no local.

Todos os conduzidos à Delegacia de Colíder serão ouvidos para averiguação do envolvimento com o comércio de drogas, e posterior lavratura de procedimento, como flagrante por tráfico de drogas, Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por uso de drogas, ou indiciamento em inquérito policial.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana