conecte-se conosco


Educação

No Rio, candidatos do Enem chegam cedo para não perder a prova

Publicado

Thiago Salustriano, 20 anos, decidiu chegar mais cedo à Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) para o segundo dia de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) porque acredita que, assim, ficará menos nervoso. “Estou bem preparado, mais tranquilo do que na semana passada. Thiago quer cursar jornalismo ou cinema.

Ele aproveitou para relaxar, conversando com Karolina Oliveira que chegou no local às 10h30.

Rio de Janeiro -  Os estudantes Karolina Oliveira e Thiago Salustriano, primeiros a chegar para o segundo dia de provas do ENEM, na UERJ. (Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil)

Rio de Janeiro – Os estudantes Karolina Oliveira e Thiago Salustriano, primeiros a chegar para o segundo dia de provas do ENEM, na UERJ. (Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil) – Fernando Frazão/Agência Brasil

Para Karolina, 20 anos, a primeira prova foi bem complicada. Hoje disse que expectativa é grande. “Porque eu me esforcei e espero dar o melhor”. Karolina que cursar enfermagem, de preferência em uma universidade pública. Ela trouxe suco e sanduiches para se alimentar durante a prova.

Já Paloma Alves, 18 anos, veio com o pai, o vigilante Sidney Gonçalves Brum, para se acalmar. “A gente passa algumas dicas”, disse Sidney. Paloma achou a primeira prova dificil, mas acredita que deu tudo certo. Ela quer cursar desenho grafico.

Leia mais:  MEC anuncia 54 escolas selecionadas para o programa cívico-militar

O acesso à sala de provas só será permitido com a apresentação de documento oficial de identificação com foto, conforme previsto em edital. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recomenda que o participante imprima e leve o cartão de confirmação da inscrição, que já está disponível na Página do Participante e no aplicativo do Enem.

O segundo dia de aplicação do Enem ocorre neste domingo (10), à tarde, em todo o país, quando estudantes farão provas de ciências da natureza e matemática. Os portões abrirão às 12h e fecharão às 13h30, no horário de Brasília. Os participantes terão 5 horas para resolver as questões. A prova termina às 18h30.

Edição: Liliane Farias
Tags: Enem Enem2019

Comentários Facebook
publicidade

Educação

Capes vai liberar R$ 1,3 milhão para pesquisas sobre manchas de óleo

Publicado

por

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior  (Capes) lança hoje (22) um edital que vai destinar R$ 1,36 milhão para seleção de projetos que vão fazer pesquisas sobre o óleo encontrado nas praias brasileiras. O objetivo “é contribuir para a contenção, o processamento do resíduo encontrado e a redução de danos ao meio ambiente”.

Por ser uma ação emergencial, as propostas de estudo devem ser encaminhadas do dia 25 de novembro, até as 17h horas (horário de Brasília), até 4 de dezembro pela plataforma online da Capes. O resultado final será divulgado a partir de 18 de dezembro. O edital está disponível no link https://inscricao.capes.gov.br/individual 

Podem apresentar projetos professores vinculados a programas de pós-graduação stricto sensu recomendados pela coordenação. Cada proposta aprovada terá o valor de financiamento de até R$ 100 mil, liberados em uma única parcela, e uma cota de bolsa de mestrado. O projeto deverá ser desenvolvido ao longo de dois anos, podendo ser prorrogado por mais 12 meses.

Leia mais:  ID Estudantil ainda não está disponível nas lojas virtuais, alerta MEC

As áreas de pesquisa prioritária são avaliação dos impactos ambientais e socioeconômicos, bioremediadores, dispersão do óleo, processamento de resíduos e tecnologia aplicada à contenção do óleo. 

“O programa Capes-Entre Mares atende demanda apresentada pelo Grupo de Acompanhamento e Avaliação criado no âmbito do Plano Nacional de Contingência para a gestão de ações de resposta após a ocorrência do desastre”, disse a Capes.

O grupo  é formado pela Marinha do Brasil, Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais e Renováveis (Ibama).

*Com informações da Capes

Edição: Kleber Sampaio

Comentários Facebook
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana