conecte-se conosco



Política

Ministério Público de MT abre concurso para promotor substituto; salário é de quase R$ 29 mil

Publicado

Estão abertas as inscrições para o concurso público promovido pelo Ministério Público do Estado para provimento do cargo de promotor de Justiça substituto. Interessados terão até 31 de julho para se inscreverem. Conforme o edital, as inscrições podem ser feitas exclusivamente pela internet no endereço eletrônico.

O valor estipulado para a inscrição é de R$ 280. Terão direito à isenção, os doadores de sangue que comprovem a condição de doador nos termos da Lei Estadual nº 7.713/2002 e também os que recebem remuneração de até um salário mínio e meio ou estiver desempregado, nos termos da Lei Estadual 8.795/2008.

O certame destina-se ao provimento inicial de três vagas. O prazo de validade do concurso é de dois anos, podendo ser prorrogável uma vez por igual período. O subsídio para o cargo de promotor de Justiça substituto é de R$ 28,8 mil.

De acordo com o edital, o concurso será constituído de provas preambular objetiva, discursivas, oral e da avaliação de prova de títulos. As provas objetiva e discursivas serão aplicadas pela Fundação Carlos Chagas. As demais etapas ficarão sob a responsabilidade do Ministério Público.

Conforme o cronograma apresentado no edital, a prova preambular objetiva ocorrerá em 1º de setembro; as discursivas nos dias 15 e 17 de novembro e a oral com a data a definir. “A aplicação das provas nas datas previstas dependerá da disponibilidade de locais adequados à sua realização”, diz o edital.

Entre os requisitos para concorrer ao ingresso na carreira de promotor de Justiça substituto estão a conclusão do curso superior em direito em instituição oficial reconhecida pelo MEC e a comprovação do exercício profissional de atividade jurídica por, no mínimo, três anos.

FONTE: RD News 

 

Leia mais:  NOITE DE TERROR: Família é feita refém por cerca de cinco (05) horas em Pontes e Lacerda; vários pertences e dois veículos foram roubados

Comentários Facebook
publicidade

Política

O deputado Moretto reivindica melhorias na segurança de fronteira ao ministro Sérgio Moro

Publicado

por

Foto: Marcos Lopes

O deputado estadual Valmir Moretto (Republicanos) foi recebido no gabinete do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, na tarde desta quarta-feira (11), em Brasília e entregou diversas reivindicações para combate ao crime organizado na região de fronteira entre Mato Grosso e Bolívia. No total, 23 cidades do estado formam divisa com o outro país.

Acompanhado do comandante da Polícia Militar do município de Cáceres, coronel José Nildo, e mais 11 cidades que compõe o Comando Regional 6, além de cinco prefeitos da região oeste, o presidente do Partido Republicanos, Marcos Pereira e o senador Wellington Fagundes, Moretto aproveitou a reunião para entregar em mãos o pedido para orçamento das câmeras OCRs, instalação de fibra óptica para comunicação da PRF, reativação do Posto de Fiscalização de Comodoro, adesão de novas viaturas para dar apoio nas ocorrências do Gefron e permanência da 2ª Vara Federal de Cáceres.

“Fizemos os ofícios em nosso gabinete e aproveitamos a reunião para discutir segurança de fronteira e já entregamos os nossos pedidos ao ministro Moro. Ele foi bem tranquilo ao receber as demandas e garantiu que pauta na faixa de fronteira é prioridade do governo federal. Câmeras OCRs, efetivo para PRF, reativação de posto e outros assuntos das nossas 23 cidades foram colocadas em pauta uma por uma. Estamos bem satisfeitos com a agenda”, disse o deputado.

Leia mais:  BRASIL QUE EU QUERO! Alunos doam dinheiro da formatura para professora que está com o bebê doente em Pontes e Lacerda

Os casos da PRF que são: aumento de efetivo, reativação do Posto de Comodoro e implantação de cabos de fibra óptica para melhorar a comunicação entre os policiais que fazem patrulha na região de fronteira, estão entre os pedidos mais importante, tendo em vista que a região possui menos de 50 homens para tomar conta de mais de 20 municípios.

“O ministro Moro se disse comprometido com a causa, por isso estamos contentes com o encontro desta tarde em Brasília. A faixa de fronteira, os moradores da região e os empresários agradecem muito o empenho de todos”, comentou.

O prefeito de Vale do São Domingos, Geraldo Ramos, disse que a região agradece muito o empenho do deputado Valmir Moretto em agir sempre em prol da região. “A fronteira merece faz muito tempo um deputado desse porte. Parabéns ao Moretto. O povo agradece e com certeza reconhece o trabalho dele em prol das 23 cidades da fronteira”, comentou o gestor.

Por sua vez, o ministro Sérgio Moro garantiu muito trabalho e confirmou que é um pedido do presidente Jair Bolsonaro para não abandonar a fronteira. “A fronteira pode esperar nosso trabalho. Sabemos o tamanho e a importância de Mato Grosso para nosso país. Precisamos fechar a fronteira para o crime e abrir para o desenvolvimento”, concluiu o ministro.

Leia mais:  CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal conclui relatório dos combustíveis

O senador Wellington Fagundes (PR) também participou da agenda e afirmou que ser municipalista é para poucos. “Estamos aqui em Brasília sempre buscando desenvolver nosso estado, mas temos que reconhecer o empenho municipalista do deputado Valmir Moretto. A fronteira agradece e as cidades também. Estamos juntos contra o narcotráfico”, afirmou o senador.

Além do deputado, foram de Mato Grosso para a agenda o coronel José Nildo, que comandou o Gefron até esse ano e hoje é comandante do CR-6, em Cáceres e os prefeitos Uilson José de Nova Lacerda, Maria Lúcia de Conquista D’Oeste, Joel Marins de Araputanga, Geraldo Ramos de Vale do São Domingos e Valteir Quirino de Indiavaí. O suplente de deputado estadual Eduardo Magalhães e o empresário Roberto Dorner de Sinop também estiveram no gabinete do ministro Moro.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana