conecte-se conosco



Mato Grosso

Escolas dão show e revelam talentos durante apresentações do projeto Educarte

Publicado

O palco do anfiteatro da Escola Estadual Liceu Cuiabano Maria de Arruda Müller foi pequeno para acomodar tantos talentos que se apresentaram na quarta-feira (18.12) durante o evento de socialização do Projeto Arte, Música e Comunicação (Educarte). O evento, promovido pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc), reuniu alunos de 15 escolas em apresentações de dança, coral, música, bandas, orquestra de violino e violão.

Conforme destacou a secretária de Estado de Educação, Marioneide Kliemaschewsk, esse foi o primeiro evento de vários outros do projeto Educarte que serão realizados.

“Essa é uma sementinha que está sendo plantada. Queremos fazer pelo menos um evento desse por ano para divulgar os trabalhos que estão sendo realizados no chão da escola. Temos muitas coisas boas acontecendo e que precisam ser socializadas com a sociedade em geral”, ressaltou.

Segundo a secretária, o projeto  Educarte vem com o propósito de oferecer à criança arte, educação, cultura e outros complementos que possam lhe proporcionar desenvolvimento de certas habilidades.

Com o tema “Educação é Cultura, Arte, Movimento e Ação”,  o evento contou com a participação de alunos das escolas estaduais Liceu Cuiabano Maria de Arruda Muller, Tancredo de Almeida Neves, Porfiria Paula de Campos, Adalgisa de Barros, Alice Fontes Pinheiro, Mariana Luiza Moreira, Demétrio de Souza, Souza Bandeira, João Brienne de Camargo, André Avelino Ribeiro, Marcelina de Campos, José Leite de Moraes e das Creches Nasla Joaquim Aschar e Maria Eunice Duarte e do Centro de Educação de Jovens e Adultos (Ceja) Almira Amorim Silva. O coral da Seduc também participou com apresentações especiais.

Leia mais:  IPVA com desconto de 3% pode ser pago até segunda-feira (23)

A professora Luciana Carvalho do Nascimento, da EE Alice Fontes Pinheiro, explica que na escola o projeto alcança a 150 alunos,com oficinas de banda, corpo coreográfico, pavilhão de baliza, coral, teatro e dança. “Por meio desse trabalho, principalmente com a música, observamos que muitos alunos melhoraram o seu desempenho em sala de aula, pois trabalhar com a música exige concentração e disciplina”. 

O regente Francisval Costa, da EE Souza Bandeira, conta que a unidade tem um trabalho voltado para a iniciação musical e de banda de percussão. “O projeto da escola tem rendido bons frutos. Recentemente, a banda realizou algumas apresentações em Cuiabá e outras cidades e ganhou várias premiações”. 

Para o professor, o evento no Liceu Cuiabano é um encontro cultural com interação entre as outras escolas e de grande importância para fomentar a participação dos alunos em eventos.

Para o maestro Vanderson dos Santos Duarte, que é voluntário na EE Alice Fontes, o projeto Educarte contribui para a melhoria do comportamento dos alunos em sala de aula.

“Trabalho com 150 alunos com oficinas de teatro e banda de percussão e todos tiveram melhora significativa em sala de aula. Além disso, essas apresentaçoes são muito positivas para o desenvolvimento deles”.

Leia mais:  IPVA com desconto de 3% pode ser pago até segunda-feira (23)

Educarte

O Projeto Educarte é uma disciplina optativa, com atividade complementares, que atende 187 escolas da rede estadual de ensino de Mato Grosso, distribuídas em 72 municípios.

O Educarte disponibiliza, por meio da escola, ações pedagógicas de cunho interdisciplinar voltadas para a arte, a música e a comunicação, que são desenvolvidas de forma a garantir espaços nos quais os alunos participam em regime de contraturno, ocupando o tempo ocioso com novos aprendizados para a vida, ampliando conhecimentos e conceitos que já possuem.

Tudo isso com foco na melhoria da proficiência desses alunos, nas etapas ou modalidades de ensino em que se encontram matriculados dentro da trajetória escolar.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

IPVA com desconto de 3% pode ser pago até segunda-feira (23)

Publicado

Proprietários de veículos com placas finais 6 e 7 têm até o dia 23 para recolher o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) com desconto de 3%. O benefício é concedido nos pagamentos em cota única, ou seja, à vista.

A partir do dia 24 até o dia 30 de novembro, o tributo deverá ser pago de forma integral ou parcelada, mas sem direito ao desconto. Após o dia 30, o valor só poderá ser quitado em cota única, com acréscimo de juros e multas.

Os contribuintes que optarem pelo parcelamento podem dividir o valor em até duas vezes mensais, conforme calendário de vencimento. Nesses casos, o valor por parcela não pode ser inferior a R$ 342,00 – correspondente a duas UPF/MT.

Para imprimir o documento de arrecadação (boletos) com as novas datas de vencimento o contribuinte precisa acessar o banner “IPVA 2020”, disponível no site da Sefaz e informar o chassi ou renavan do veículo. Nos casos dos parcelamentos já realizados e impressos, será necessário fazer a reimpressão dos boletos.

Caso o contribuinte tenha dificuldade ou encontre alguma inconsistência na hora de gerar e imprimir os boletos, a Sefaz orienta que entre em contato pelos canais de atendimento virtuais informando todos os dados necessários. O contato deve ser feito pelo Sefaz para Você, disponível no site da secretaria, ou pelo e-mail da Agência Fazendária do domicílio tributário do contribuinte.

Prorrogação

Devido a pandemia da Covid-19 e os reflexos financeiros causados por ela nas finanças dos comerciantes, empresários e pessoas físicas, o Governo de Mato Grosso prorrogou o pagamento do IPVA 2020 para o último trimestre do ano. A medida abrangeu veículos com placa finais 4 e 5; 6 e 7; e 8, 9 e 0, e os parcelamentos já realizados, incluindo os referentes a exercícios anteriores.

Dessa forma, a cobrança do IPVA das placas 8, 9 e 0 que venceriam no mês de julho, passou para o mês dezembro de 2020. Esses são os últimos finais de placas que compõe o calendário do IPVA 2020.

Confira das datas de vencimento das próximas placas:

Comentários Facebook
Leia mais:  IPVA com desconto de 3% pode ser pago até segunda-feira (23)
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana