conecte-se conosco



Política

Crescimento da bacia leiteira de MT é tema de audiência em Araputanga

Publicado

Deputado Valmir Moretto irá reunir técnicos da Embrapa, Mapa, Empaer, Senar e instituições bancárias para tratar do assunto com pecuaristas da região oeste.

Pensando em atender as demandas dos pequenos produtores, em específico da bacia leiteira estadual da região oeste, que possui amplo potencial de crescimento e geração de renda familiar no campo, o deputado Valmir Moretto (Republicanos) comandará uma audiência pública para tratar do tema, nesta segunda-feira (21). O evento será realizado no município de Araputanga, escolhido estrategicamente pelo alto número de laticínios e por estar no centro das 22 cidades que compõem a região oeste de Mato Grosso.

Atualmente, Mato Grosso é o 11º maior produtor de leite do país, com média mensal de 34 mil litros e anual de 684 milhões de litros, sendo a cadeia do leite a mais predominante nas propriedades dos agricultores familiares. Os números são expressivos; 21% da produção do leite da agricultura familiar de Mato Grosso contribuem para o cenário do agronegócio brasileiro.

Pensando em ajudar a crescer esses números e melhorar o ranking do estado, Moretto, técnicos da Empaer, Embrapa e Ministério da Agricultura e veterinários especialistas em genética leiteira e embrião convidam para participar do ato, que ocorrerá na sede do Rotary Club de Araputanga, a partir das 18h30.

Moretto afirmou que a audiência irá tratar de assuntos que possam contribuir para o crescimento da cadeia leiteira. Mato Grosso já esteve melhor ranqueado, mas com a falta de investimento no setor, hoje o estado está atrás de estados como Pernambuco, Bahia e Ceará, que possuem históricos de maior seca por ano e solo que não são tão úmidos como o de Mato Grosso.

“É uma grande oportunidade que temos para mostrar e ver o quanto a genética do gado de leite vem desenvolvendo e melhorando a bacia leiteira dos municípios da região oeste. Precisamos melhorar nossa posição no ranking. Já estivemos entre os oito melhores do Brasil e hoje somos o 11º. Então vamos discutir o melhoramento e o quanto podemos crescer”, disse o parlamentar.

O secretário Silvano Amaral, titular da pasta de Agricultura Familiar do Estado (Seaf), também confirmou participação no evento, assim como membros de laticínios, sindicatos e instituições bancárias, que irão falar sobre oportunidade de crédito com os pecuaristas que estiverem no local.

Serviço  – O quê – Audiência pública sobre a bacia leiteira de Mato Grosso

Quando – Segunda-feira (21)

Horário – 18h30

Onde – Rotary Club de Araputanga


Gabinete do deputado Valmir Moretto

Comentários Facebook
Leia mais:  Governo garante estudo de viabilidade de UTI’s em Pontes e Lacerda
publicidade

Política

Governo garante estudo de viabilidade de UTI’s em Pontes e Lacerda

Publicado

Reunião no Palácio Paiaguás foi organizada pelo deputado Valmir Moretto (Republicanos) e contou com a presença de prefeitos e do presidente da Santa Casa de Pontes e Lacerda.

Após reunião convocada pelo deputado Valmir Moretto (Republicanos), o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, se comprometeu a fazer um estudo de viabilidade para a construção de leitos de UTI’s na Santa Casa da cidade de Pontes e Lacerda. O Estudo será feito por uma equipe técnica a cargo da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Na reunião ficou acordado que, caso os leitos sejam construídos, precisam ser definitivos, a exemplo do que aconteceu no Hospital Metropolitano de Várzea Grande e no Hospital Regional de Cáceres – daí a necessidade de um estudo detalhado.

O governador Mauro Mendes disse que o estudo é necessário pois existem regras do Ministério da Saúde, que precisam serem cumpridas para que a obra se mantenha.

“O Governo é sensível a isso, entende essa reivindicação e estamos trabalhando para que isso aconteça. Eu não vou tomar medidas irresponsáveis que não parem de pé em médio e longo prazo. O estudo técnico e consistente será feito, e se provar que realmente tem viabilidade, será feita as UTI’s. Isso trará resultados positivos para região e para Mato Grosso”, afirmou o governador.

O deputado Valmir Morettto disse que ficou feliz com a decisão do governador em querer fazer o estudo e acredita que a cidade, por ser polo da Região Oeste, atende todas as condições necessárias.

“Temos que ter esse estudo porque não estamos construindo UTI só para atender o Covid-19, nosso sonho são unidades definitivas. O Governo se posicionou favorável, tendo condições, será parceiro e vai por as unidades. Conheço Pontes e Lacerda e sei do potencial da região. Estamos falando de vidas, de pessoas e de muitas responsabilidades. Não tenho dúvidas de que esse estudo será viável”, afirmou Moretto após a reunião.

Pontes e Lacerda é cidade polo da Região Oeste e ponto de apoio para outros municípios, englobando a quantidade de 115 mil habitantes. As novas UTI’s seriam implantadas no Hospital Santa Casa Vale do Guaporé. No primeiro momento atenderia a população em relação ao avanço do coronavírus (Covid-19) e depois ficaria em benefício da população.

Além Mauro Mendes e o deputado Valmir Moretto, participaram da reunião os prefeitos Alcino Barcelos, de Pontes e Lacerda e o prefeito Geraldo Martins do Vale de São Domingos. Também estavam presentes representante do deputado dr. Gimenez e o presidente da Santa Casa, José Paulo Adriano.

Por Raul Bradock 

Comentários Facebook
Leia mais:  Governo garante estudo de viabilidade de UTI’s em Pontes e Lacerda
Continue lendo
publicidade

Pontes e Lacerda

publicidade

Polícia

Cidades

Mais Lidas da Semana